Pesquisar

Categorias

Arquivos

Favoritos

Osho – O Desapego

O Desapego

.

OSHO

.

.

.

O amor é a única libertação do apego. Quando você ama tudo, não está preso a nada.

 Na verdade, o fenômeno do apego precisa ser entendido. Por que você se agarra a algo? Porque tem medo de perdê-lo. Talvez alguém possa roubá-lo. Seu medo é de que amanhã você não possa ter o que tem hoje.

 Quem sabe o que acontecerá amanhã? A mulher ou o homem que você ama… qualquer movimento é possível: vocês podem se aproximar ou podem se distanciar. Vocês podem novamente se tornar estranhos ou podem ficar tão unidos que não seria correto dizer nem mesmo que vocês são duas pessoas diferentes; é claro, existem dois corpos, mas o coração é um só, a canção do coração é uma só e o êxtase os envolve como uma nuvem.

 Vocês desaparecem nesse êxtase: você não é você, ela não é ela. O amor passa a ser tão total, tão grande e irresistível que você não pode permanecer você mesmo; você precisa submergir e desaparecer.

 Nesse desaparecimento, quem se prenderá, e a quem? Tudo é. Quando o amor desabrocha em sua totalidade, tudo simplesmente é. O receio do amanhã não surge, daí não surgir a questão do apego.

.

.

.

.

“Todas as nossas misérias e sofrimentos não são nada mais do que apego. Toda a nossa ignorância e escuridão é uma estranha combinação de mil e um apegos. Nós estamos apegados a coisas que serão levadas no momento da morte, ou mesmo, talvez, antes. Você pode estar muito apegado a dinheiro, mas você pode ir à bancarrota amanhã. Você pode estar muito apegado a seu poder e posição, mas eles são como bolhas de sabão. Hoje eles estão aqui; amanhã eles não deixarão nem um traço. (…)

Todas as nossas posições, todos os nossos poderes, nosso dinheiro, nosso prestígio, respeitabilidade são todos bolhas de sabão. Não fique apegado a bolhas de sabão; senão, você estará em contínua miséria e agonia. Essas bolhas de sabão não se importam por você estar apegado a elas. Elas continuam estourando e desaparecendo no ar e deixando-o para trás com o coração ferido, com um fracasso, com uma profunda destruição de seu ego. Elas o deixam triste, amargo, irritado, frustrado. Elas transformam sua vida num inferno.

Compreender que a vida é feita da mesma matéria que os sonhos é a essência do caminho. Desapegue-se: viva no mundo, mas não seja do mundo. Viva no mundo, mas não permita que o mundo viva dentro de você. Lembre-se que ele é um belo sonho, porque tudo está mudando e desaparecendo.

Não se agarre a nada. Agarrar-se é a causa de sermos inconscientes.

Se você começar a se desprender, uma tremenda liberação de energia acontecerá dentro de você. A energia que estava envolvida no apego às coisas trará um novo amanhecer ao seu ser, uma nova luz, uma nova compreensão, um tremendo descarregar – nenhuma possibilidade para a miséria, a agonia, a angustia.

Ao contrário, quando todas essas coisas desaparecem, você se encontra sereno, calmo e tranqüilo, numa alegria sutil. Haverá um riso no seu ser. (…)

Se você se tornar desapegado, você será capaz de ver como as pessoas estão apegadas a coisas triviais, e quanto elas estão sofrendo por isso. E você rirá de si mesmo, porque você também estava no mesmo barco antes. O desapego é certamente a essência do caminho.”

 

 

 

 

 

 

Share

49 Responses to Osho – O Desapego

  • Patricia Martins:

    Muito bom!!!

  • Cristina Coutinho:

    É uma prática que requer muito empenho: toda a nossa vida é direcionada para o apego. Alcançar o desapego deve ser muito tranquilizador.

  • NEFERTITI:

    Com certeza, não devemos nos apegar a nada
    Quando partirmos deste mundo nada levaremos
    só os atos que praticamos com os nossos semelhantes contam
    sendo eu uma pessoa que segue os ensinamentos
    de Jesus

  • Aida Jardim Teixeir:

    Lindo texto.

  • Lara:

    Tão verdadeiro e perfeito!
    Nesse momento que estou precisando perder 10 kilos foi maravilhoso ler isso e aprender que, na verdade, não preciso perder por onde vinha tentando, mas desapegar.
    Beijo na alma

  • Estamos aqui somente de passagem. E curta! Este é o caminho: AMAR.
    Adorei o texto, muito interessante a metáfora das bolhas de sabão.
    Beijo de luz!
    Claudia Scheidegger.

  • LÚCIA CRISTINA:

    AMEI.

  • o caminho é vivo, vermelho e pede o fluir, não tem como vivenciá-lo estando preso, isto me lembra aroma de limão: navegar

  • Isabel de França:

    Leio Osho e outros seres iluminados e sábios do oriente desde que era apenas uma menina e sempre acreditei que o desapego é a coisa mais importante que devemos praticar. Realmente é a essencia do caminho! Just perfect!

  • petronio martins duarte:

    Texto muito bom, que conduz a reflexão deixando claro o quanto necessitamos ser lapidados….petronio martins duarte

  • Cirineu:

    Verdadeiro e cristalino

  • Piva:

    Vero! Creio que o apego às coisas materiais é um entrave na vida e, por conseguinte, impede a evolução de todo ser humano. Creio também que se não nos desapegarmos dessas coisas, vai chegar o momento em que isso terá que acontecer na marra para que, assim, a vida possa continuar…. Creio também que tudo isso esteja muito ligado ao Orgulho..É muito difícil o desapego…creio que, para certas criaturas, seja impossível. Falo por mim, mas estou quase conseguindo…na marra mas estou…e, já me sinto melhor.

  • Telma Suely S. Guimarães:

    É a mais pura verdade, ultimamente eu tenho me esforçado muito para exercitar esta máxima, no inicio as coisas pareciam impossiveis, visto que somos moldados por uma sociedade cheia de aparências (família, escola, trabalho…), mas com muita determinação tenho me dedicado e estou conseguindo aproveitar melhor a minha vida; hoje acordo e consigo aproveitar melhor o meu dia; é um exercicio diário de determinação mas está valendo muito, posso me permitir acordar e olhar o mundo com outros olhos, ver algo mais, e o mais importante: abrir mão de coisas que pareciam ser importantíssimas e hoje eu vejo que são meros adereços, peças que apenas pesavam e me custavam muito caro. Hoje os destroços estão sendo reconstruídos e eu torço muito para que todos ao meu redor descubram essa fonte inesgotavel de sabedoria que é viver em Paz.

  • Rejane Maciel:

    Eu amei o texto. Osho é tudo de bom né? bjs!

  • Julieta:

    Muito, muito bom!!! Adorei!!!!!
    Viver no mundo, mas não ser do mundo, este é o segredo para viver bem e ser feliz!
    Obrigada Pedro, que bom ter encontrado você!
    abraços e tudo de BOMmmmmm!
    Julieta Mariani

  • neusa:

    amei, me manda mais.

  • Consuelo:

    Cristalino e amoroso assim como é o Osho ………

  • É mesmo uma sabedoria conseguirmos nos desapegar de coisas que, através dos anos, pensávamos serem as mais importantes para nós! Com o passar do tempo, aprendemos a dar valor a outras coisas; que nos trazem felicidade!!!
    Tantas coisas que teremos que deixar…
    A liberdade total e de tudo, interior e exterior. É trabalho para muito tempo!!!

  • Michelegpereira:

    O desapego faz um bem danado para a alma!
    exercício que devemos fazer para aproximarmo-nos de nós mesmos.

  • Ligia Domingues:

    Um dia a gente chega lá !…

  • tania rocha:

    CRISTO disse: “… todo aquele que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou terras, por amor de meu nome, receberá cem vezes tanto, e herdará a vida eterna.” – Mateus 19:29

  • Scarlett:

    Amo Osho com ele e meus amigos orientais aprendi muito sobre o desapego e com a ajuda de Deus “consegui ” superar .Dizem que sou forte (justo eu que sou filha unica e sempre fui mimada por todos) . Não sou forte aprendi a ser forte porque era minha unica saida .
    Depois fui bravamente me desapegando das tantas coisas materiais “na marra ” como disse com ajuda de Deus , de Osho e de uma brava e incassável luta interior .Tenho ainda algumas poucas coisas para desapegar que são ainda fortes em de mim, como o fisico.E mesmo querendo morrer jovem ainda tenho medo da morte.
    Obrigada por nos proporcionar leituras tão agradáveis.Um grande beijo.

  • Virgínia:

    Osho sempre toca o meu coração. Agradeço por postar suas idéias. Mantenha-as em seu blog, pois elas engrandecem também seus pensamentos, pois estão em sincronicidade.

  • nilson schommer swami prem:

    Favor conferir ESTA VERDADE… em meu mural de ontem (080112). Bate em cheio…

  • FRANCISCA:

    MUITO BOM, BASTA COLOCAR EM PRATICA……..

  • Iliane Olga Kravicz:

    Este texto traz tranquilidade à trajetória que ainda devemos percorrer nessa vida.

  • Maravilha, desapego é tudo!

  • [...] (Osho via Pedro Tonraghi) [...]

  • Sandra:

    Interessante este assunto tão apropriado para o momento de transição! Impermanência e consciência são palavras que são parte do meu dia dia!! Importante tarefa é que os nossos amigos e familiares tenham estes conhecimentos através de nós! Nós somos o portal desta sublime informação!

  • Paulo:

    NEFERTITI: você disse tudo!

  • Vanilse T. C. de Jesus:

    Quantos bons ensinamentos trazem esses textos! Acredito que foi uma benção tê-lo conhecido e à sua obra por meio do Facebook. Como estou certa de que nada nesta vida é obra do acaso, sei que há um propósito divino nessa nossa aproximação, mesmo que virtual, pois tiro muitos bons proveitos refletindo sobre o seu trabalho. Muita luz para você amigo!!!

  • Maria Lucia Storino Savaget:

    Olá Pedro Tornaghi, gostei muito. Você é genial. Se for possível, mande mais textos para mim. Um beijo no seu coração

  • Jane:

    Viver no mundo, mas não ser do mundo, este é o segredo para viver bem e ser feliz!
    Perfeito!
    Obrigado

  • Flavio Carvalho:

    Os textos do Osho são precisos e cirúrgicos
    Parabéns pela transcrição.
    Um abraçaço.

  • edith fernandes souto:

    Olá Pedro, amei ler seus ensinamentos pelo site. Abraços, Edith

  • Marileide B. Marques:

    Achei muito bom, palavras sábias,eu vou praticar o desapego daqui pra frente em minha vida um forte abraço.

  • Marileide B. Marques:

    Muito inteligente,amei!!! Um abraço.

  • Maria Clara Cabral Melo:

    Excepcional !!!!!!!!!!!

  • Edith:

    Amei e compartilhei. Obrigada por tanta inspiração.

  • Denise:

    Oii,tudo bem? Muito bom e interessante o artigo. Visitarei o site com frequência

  • Verônica Trajano:

    Osho e sua sabedoria!! Desapego é o caminho para o não sofrimento! Exercitando!!

  • Chrystina:

    Taí um assunto que eu sempre lia e relacionava logo ao apego a bens materiais, mas pelo que vejo vai mais longe, e atinge bens imateriais, por assim dizer: amores e afins. Bom, eu não consigo imaginar como você pode se jogar em tais sentimentos e não ficar com medo de perder ou se arrepender, caso @ destinatári@ de tais sentimentos com o tempo se mostre indigno dos mesmos. Acho que muitas pessoas exercitam o desapego, mas como algo superficial, criando relações e relacionamentos superficiais, logo fáceis de se descatar. Desapego nos termos que o Osho explicou, ainda não vi.

  • katia regina:

    A Primeira vez que vi o rosto de Osho em um livro, aqueles olhos estavam vivos e foi como se ele me convidaasse pra conhece-lo; olhe bem pra ele tambem e verá sua existência real; o seu olhar me arrepiou, foi incrível

  • ILMA SOARES VIEIRA:

    Gostei! Osho compara a vida efêmera com bolhas de sabão. Quantos momentos aconteceram em nossas vidas e quanta coisa já se foi. A vida é feita de momentos e cada momento é uma escolha, o negócio é aproveitar as oportunidades boas que a vida nos traz. É pegar ou largar.

  • ILMA SOARES VIEIRA:

    11 de fevereiro de 2016
    Gostei! Osho compara a vida efêmera com bolhas de sabão. Quantos momentos aconteceram em nossas vidas e quanta coisa já se foi. A vida é feita de momentos e cada momento é uma escolha, o negócio é aproveitar as oportunidades boas que a vida nos traz. É pegar ou largar.

  • Motta:

    Coragem, às vezes, é desapego. É parar de se esticar em vão, para trazer a linha de volta. É aceitar doer inteiro até florir de novo.

  • Claudia Motta:

    Afinal, se coisas boas se vão é para que coisas melhores possam vir. Esqueça o passado, desapego é o segredo!

  • Claudia Motta:

    Afinal, se coisas boas se vão é para que coisas melhores possam vir. Esqueça o passado, desapego é o segredo!
    …..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>