Pesquisar

Categorias

Arquivos

Favoritos

Cuide-se

Cuide-se

Pedro Tornaghi

.

.

Image result for meditação transcendental

.

.

Quando a grande maioria das pessoas pensa em cuidar-se, pensa primeiramente na saúde física, o que é sem dúvida importante, mas, cuidar-se é também cuidar do próprio crescimento e da capacidade de entendimento do mundo. Cada vez mais, torna-se normal ver pessoas orientadas para o “sucesso”, e esquecendo de questionar-se se estão felizes, realizadas, ou ao menos, se estão estabelecendo uma relação satisfatória com o mundo. A consciência crítica está em baixa e o autoconhecimento tem sido relegado a segundo plano, como uma coisa menos imediata entre tantas urgências. No entanto, nada mais urgente do que ele.

Governos investem bilhões em tecnologia e zero em consciência. E nós, infelizmente, não fazemos muito diferente. Talvez, a saída para os males que afligem e ameaçam o homem não esteja na tecnologia ou no sucesso, e sim na consciência. É preciso investir sem ressalvas ou restrições nela.

Investir em consciência começa pela investigação e desenvolvimento da própria percepção. O entendimento da percepção começa pela compreensão do quanto ela é física, mental ou emocional, pelo entendimento dos cinco sentidos e de como elaboramos as informações que recebemos por eles.

Os mesmos sentidos podem servir para enganar ou para elucidar. Podem enganar como no caso da pessoa que está no deserto e, ao ver as ondulações no ar, transforma-as numa miragem de “água à vista”, ou podem elucidar quando a calma é suficiente para que a mesma pessoa não se entregue à primeira interpretação do que os sentidos percebem, mas espera a poeira se assentar e a imagem se formar por completo dentro dela.

Quando você está desorganizado internamente, seu centro de discernimento se ocupa em processar imagens em funções trocadas e você perde o discernimento. Na verdade, os sentidos nunca nos enganam, nós e que nos queremos nos enganar e transformamos a imagem que vem deles.

As imaginações e memórias que guardamos dentro de nós, voltam à tona sempre em forma de imagem, som, cheiro, gosto ou experiência tátil. O inconsciente sempre se serve da linguagem de algum dos sentidos para vir à tona. Quando conseguimos recuperar a informação com todos os sentidos por igual, ela vem muito mais completa e fidedigna. Mas, por temermos a informação direta, rotulamos aquilo que os sentidos nos dizem.

Rotular é conseguir uma estabilidade inútil. Quando você amplia o seu processo de percepção, desestabiliza os rótulos dentro de você, e volta a lidar com a vida de forma mais criativa, presente e pulsante. Você recupera o pulsar do seu organismo e, com isso, além da sua percepção, todas as suas funções vitais se vêm melhoradas.

Perceber é uma arte, e como tal, é algo que pode ser aprendido e aprimorado. Sempre é possível mudar programas perceptivos e lidar com o mundo de maneira mais satisfatória, autônoma e inteligente.

.

 

Participe do curso “Meditações da Visão e da Audição”:

 http://pedrotornaghi.com.br/blogger/?page_id=107

.

..

.

.

Leia também:

Os Sentidos Internos: http://pedrotornaghi.com.br/blogger/?page_id=375

A Arte de Escutar e Enxergar: http://pedrotornaghi.com.br/blogger/?page_id=399 

As Meditações da Visão e da Audição:  http://pedrotornaghi.com.br/blogger/?page_id=31

.

.

A meditação é uma boa alida contra a ansiedade

Share

One Response to Cuide-se

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>